HÁBITOS RICOS X HÁBITOS POBRES

Você alguma vez já se questionou sobre os seus hábitos? Eles são ricos ou pobres?

O hábito por definição, segundo o dicionário, “é a inclinação por alguma ação, ou disposição de agir constantemente de certo modo, adquirida pela frequente repetição de um ato”. 

Percebendo isso o planejador financeiro e CFP®, Thomas Corley, estudou os hábitos de 300 famílias ao longo de 5 anos e avaliou o comportamento das pessoas ricas (com um patrimônio igual ou maior do que US$ 3,2 milhões) e de pessoas de baixa renda (com um patrimônio de apenas U$ 5mil e uma renda anual de US$ 35 mil ou menos) sendo que essa pesquisa se transformou num livro “Rich Habits: The Daily Success Habits of Wealthy Individuals” (ou “Hábitos ricos: os hábitos de sucesso dos ricos”, em tradução livre) que virou recentemente um best-seller de vendas nos Estados Unidos.

Um ponto interessante dessa coleta de dados ao longo desses anos e de sua experiência como planejador, trouxe uma importante conclusão onde ele diz que: “Os hábitos positivos são como flocos de neve que formam a neve, se acumulam e depois se tornam uma avalanche de sucesso”.

Diante disso, elaboramos nesse artigo – onde trazemos para dentro do nosso contexto de negócio – as 9 diferenças entre Hábitos Ricos x Hábitos Pobres. Vejamos logo abaixo:

1- Ricos sempre se mantêm “nos trilhos”, ou seja, possuem metas claras e bem definidas: 

Mais de 62% dos ricos dizem manter o foco em suas metas todos os dias e apenas 6% das pessoas de baixa renda fazem isso.

Trazendo isso para o nosso contexto: São associados duplicadores que mantém constância e consistência em um único negócio, ou seja, são pessoas que se propuseram a mostrar 20 ou 30 planos por mês e sabem que isso deve ser realizado ao longo das semanas e não tudo em apenas um dia. Essas pessoas sabem o que tem que fazer em prol de seus objetivos e Projetos de Vida, com a disposição de “pagarem o preço” para que seus Sonhos se tornem realidade.

2- Eles sabem o que precisa ser realizados todos os dias: 81% mantém uma lista do que fazer em sua rotina, enquanto que as pessoas de baixa renda possuem um índice para esse tópico de apenas 19%.

Trazendo isso para o nosso contexto: São associados que tem uma rotina de separar o seu horário para as atividades profissionais como: contatar, mostrar o plano, fazer acompanhamento e manter contato/apoio a seus liderados e que fazem disso mais do que um trabalho extra e sim se veem como empreendedores de seu próprio negócio.

 

3- Ricos não assistem a novelas e muito menos a reality show: Cerca de 70% dos ricos assistem TV apenas uma hora ou menos por dia, porém, entre os pobres esse percentual cai para 23%. Somado a isso, somente 6% dos ricos assistem reality shows em detrimento de 78% dos pobres que fazem isso com frequência. Segundo Thomas: “As pessoas ricas por serem mais disciplinadas preferem ocupar seu tempo de forma mais produtiva”.

Trazendo isso para o nosso contexto: Mais uma vez vem a nossa máxima: MOP (Mostre o Plano), ou seja, é muito melhor fazer algo produtivo como MOSTRAR O PLANO, passar um momento agradável com a sua equipe ou com as pessoas que você ama, fazendo um ESDIN, lendo um livro ou praticando atividade física do que perder tempo na frente de uma TV. Para quem duvida sobre o mal que programas de TV como novelas e reality shows fazem às famílias, procure saber mais sobre a pesquisa do economista peruano e pesquisador do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Alberto Chong e o que ele tem a dizer em uma entrevista concedida ao site ÉPOCA em 27/02 de 2009.

 

4- Os ricos leem mais e não é por que gostam de fazer isso: Apenas 86% dos ricos dizem adorarem ler contra 26% daqueles de baixa renda. Eles leem livros que possam ajudá-los a desenvolver suas capacidades e habilidades profissionais, pessoais e interpessoais abstendo-se de livros de histórias de ficção, romance e comédia. Não é à toa que 88% dos ricos leem pelo menos 30 minutos de assuntos ligados ao seu desenvolvimento profissional.

Trazendo isso para o nosso contexto: Ler bons livros que falem sobre motivação, como se relacionar melhor com outras pessoas, técnicas de vendas, economia, produtos financeiros, educação financeira e finanças pessoais, pode ajudá-lo a se tornar a melhor versão de si mesmo e um melhor profissional em seu negócio Dinastia.

 

5- Eles não somente leem, mas ouvem (áudio-livros) também: Escutar áudio-livros para ir ao trabalho ou de volta dele faz parte da rotina de 63% dos ricos contra apenas 5% das pessoas de baixa renda.

Trazendo isso para o nosso contexto: Faça o download, ouça e repita o CD de áudio de Treinamento e Prospecção da Dinastia que contém além de técnicas e embasamento para a construção de seu negócio, há também a inspiração de outras pessoas que assim como você, construíram esse negócio com muita determinação e crença de que podiam chegar lá e que mereciam serem donas de seu destino e de seu futuro financeiro.

 

6- Elas fazem sempre um pouco mais (Do a little bit more!): Mais de 80% dos ricos fazem mais do que lhes é proposto ou mais do que seu escopo de trabalho prevê, já no caso dos pobres, apenas 17% fazem mais do que lhes é delegado. Dessa forma, cai por terra o mito de que quem é rico trabalha pouco e ganha muito, mas sim, as pessoas que possuem hábitos ricos trabalham muito – média de 50 horas semanais – e é por essa razão que esses indivíduos se tornam pessoas ricas.

Trazendo isso para o nosso contexto: Mostre o plano e faça um pouco mais do que a maioria das pessoas está disposta a fazer e mereça os benefícios, o tempo e o dinheiro que elas dificilmente conseguirão conquistar fazendo as mesmas coisas da mesma maneira.

7- Eles não esperam que chova dinheiro: Somente 6% dos ricos dizem que jogam ou jogavam na loteria com certa regularidade contra 77% dos pobres que lotam as casas lotéricas mundo a fora.

Trazendo isso para o nosso contexto: Não existe almoço grátis e que apesar de dinheiro ser de papel ele não nasce em árvores. Todos na Dinastia começam como qualificados a 0% e por essa razão prestigiamos a MERITOCRACIA e os esforços que cada uma das pessoas fazem para alcançarem seus Objetivos e Sonhos sendo que o mais importante que chegar é valorizar o caminho pelo qual ele precisou ser percorrido para se tornar a pessoa que é HOJE!

 

8- Eles se preocupam não somente com a saúde financeira, mas também com a saúde física: Quase 60% dos ricos se preocupam com seu peso e contam todos os dias as calorias consumidas. A razão para que isso aconteça é que estas pessoas com boa saúde podem aproveitar melhor sua vida e sua fortuna em detrimento aos 5% das pessoas de baixa renda que não se preocupam com a obesidade e que sofrem no futuro com as escolhas de uma má alimentação e pouca ou nenhuma atividade física.

Trazendo isso para o nosso contexto: Não adianta somente cuidar da sua saúde financeira e deixar de lado a saúde física, pois de nada vai adiantar você ser a pessoa mais próspera do cemitério. Por isso, assim como organizar seu tempo para mostrar o plano, separe um momento para alguma atividade física. Faça uso dos serviços de Personal Fitness e Assistência Nutricional que está à disposição do Associado Dinastia através do serviço de Assistência Pessoal e comece já uma nova etapa em sua vida, que é a busca por uma saúde equilibrada e saudável.

 

9- Acham que cuidar do sorriso é fundamental: Pesquisas mostram que o sorriso abre portas e as pessoas ricas sabem exatamente o que isso significa. Além de se alimentarem bem e fazerem exercícios habitualmente, eles cuidam de sua aparência e saúde bucal. Mais de 60% usam fio dental todos os dias, pois além de ser um hábito saudável pode prevenir inclusive o risco de doenças cardiovasculares já que é na boca que estão as bactérias mais perigosas para nosso organismo. Enquanto isso apenas 16% das pessoas pobres faz isso.

Trazendo isso para o nosso contexto: Um belo sorriso além de prevenir de doenças cardiovasculares fará de você uma pessoa mais agradável e que todas as pessoas vão gostar de ouvir e de seguir.

 

Bons Hábitos Ricos a todos e que você seja em breve uma avalanche de SUCESSO!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *